top of page

Filmes de Tarkovsky e Kurosawa estão no serviço de streaming do CineSesc. Grátis.


Com Ivan (Nikolai Burlyaev), Tarkovsky faz um duro relato sobre a II Guerra Mundial. Foto: divulgação.

O serviço gratuito de streaming #CinemaEmCasa, iniciativa do CineSesc de São Paulo, programou um especial com clássicos da história do cinema: Solaris e A Infância de Ivan, de Andrei Tarkovsky; Vá e Veja, de Elem Klimov; Dersu Uzala, de Akira Kurosawa; e O Fascismo de Todos os Dias, de Mikhail Romm.


A Infância de Ivan, vencedor do Leão de Ouro no Festival de Veneza em 1962, conta a história de um órfão soviético de doze anos que, durante a Segunda Guerra Mundial, trabalha para o exército russo contra os alemães. Já Solaris, lançado dez anos depois e que recebeu o Grande Prêmio do Júri no Festival de Cannes, narra a história de um psicólogo enviado a uma estação na órbita de um planeta distante para descobrir o que levou sua tripulação à loucura. O filme é baseado no livro de ficção científica de Stanislaw Lem.


Do mestre japonês Akira Kurosawa, Dersu Uzala mostra com delicadeza as diferenças culturais entre um explorador do exército russo, resgatado na Sibéria, e um caçador nativo que passa a lhe servir de guia. Quando o explorador decide levar o caçador para a cidade, seus costumes se confrontam de forma esmagadora com o modo de vida burocrático, fazendo-o questionar diversos padrões da sociedade.


No documentário O Facismo de Todos os Dias, o cineasta alemão Mikhail Romm usa imagens de arquivo da Segunda Guerra Mundial para realizar uma profunda e impactante reflexão sobre a ascensão e queda do fascismo e os efeitos do nazismo na sociedade alemã. A Segunda Guerra também é tema do longa Vá e Veja que conta a história de uma jovem em uma aldeia bielorrussa que, depois de encontrar um fuzil, se une às forças da resistência russa contra os alemães.


Além desses, a plataforma do CineSesc contém dezenas de filmes nacionais e internacionais, que ficam hospedados temporariamente. Portanto, visite o link abaixo e programe-se.


Assista gratuitamente em sescsp.org.br/cinemaemcasa


Comments


bottom of page